domingo, 21 de fevereiro de 2010

Mestre Ruy Hizatugu me ensinou...


  • MEDITAÇÃO

  • “Qualquer pessoa pode meditar; não há perigo. O primeiro passo consiste em ficar em uma posição confortável e relaxada--relaxada em uma posição que seja confortável para você. Não tente forçar seu corpo em uma posição específica. Não é recomendável pelos mestres.
  • Buda senta-se em uma postura específica; é confortável para ele. Para você, provavelmente, não. Não se preocupe com isso, a preocupação em acertar sempre acarreta erros e tensão. Tensão não é meditação. Vencer, competir, não é Zen. Meditação é relaxamento sem tensão. Fique confortável, não lute com a postura. Você pode sentar-se numa cadeira, espreguiçadeira, na sua cama, no sofá predileto de sua casa e relaxar. Quando você sentir que o corpo atingiu uma posição confortável, gostosa, não preste atenção a ele. Esqueça-o. Não ligue para o relaxamento ou você ficará obcecado por ele. Apenas relaxe! No momento em que seu corpo ficar relaxado, a paz automaticamente acontece em seu coração. O coração fica harmonioso. Sempre que estiver relaxado, a paz virá do coração. O coração irradia a paz. Sem competir, sem vencer nada, sem apego a ideias, sem vaidade nenhuma, traz a paz interior. Paz interior é felicidade!
  • Sentado em sua cama, acomode-se debaixo de um cobertor e encolha-se. E permaneça lá... totalmente imóvel, sem fazer nada. Algumas vezes surgirão alguns pensamentos – deixe-os passar, seja indiferente , sem nenhuma preocupação. Se eles surgirem, ótimo, se não surgirem, ótimo. Não lute, não os afaste. Se você lutar, ficará perturbado. Caso você os afaste, se tornarão persistentes; se você não os desejar, eles oporão muita resistência e não vão embora. Fique completamente indiferente a qualquer barulho e preocupações. Não há necessidade de ganhar nada, criticar nada, vencer a discussão, tudo que ocorre na periferia não é problema seu. É de uma outra pessoa. O que você tem a ver com ele? E você ficará surpreso: momentos virão em que o ruído desaparecerá, desaparecerá por completo, e você ficará totalmente só. Nesse estado de solidão total, você encontrará o silêncio.
  • Abandone-se no silêncio...”    OSHO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário